DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 18/01/2019

Grupo de Ponta Grossa é o primeiro a chegar para JMJ

Três peregrinos da Paróquia São Pedro tiveram tratamento vip

 
A primeira missa da pré-jornada foi realizada neste dia 17, na igreja São Judas Tadeu, em Cativá Colon A primeira missa da pré-jornada foi realizada neste dia 17, na igreja São Judas Tadeu, em Cativá Colon | Crédito: Acervo

     Já em sua 33ª edição e pela primeira vez realizada em um país da América Central a Jornada Mundial da Juventude acontece no Panamá, dos dias 22 a 27 deste mês. O Papa Francisco chegará ao país dia 23, à tarde. O tema deste ano da JMJ é  ‘Eis a serva do Senhor; faça-se mim segundo a tua palavra’ (Lc 1:38). A Diocese de Ponta Grossa está representada na Jornada deste ano por, pelo menos, 33 peregrinos , 32 de Ponta Grossa e um de Imbituva, Luiz Antônio Paz, que viajou por conta própria. Os demais foram graças ao comprometimento da Paróquia São José e do Caminho Neocatecumenal das paróquias São Pedro Apóstolo e Nossa Senhora da Saúde, que embarcaram nesta quinta-feira, às 8 horas, com chegada a Santiago prevista para a sexta-feira.

     A pré-jornada, no entanto, já começou. Entre 17 e 21 de janeiro, as atividades envolvendo os jovens são organizadas nas várias dioceses. Os três paroquianos da São Pedro, por exemplo,Eraldo Rocha (coordenador do grupo), Nadine Sansana e Ana Paula Grosman, foram acolhidos por uma família da Diocese de Kuna Yala, na Província de Cólon. O grupo foi o primeiro a chegar ao país e, graças a isso, receberam tratamento ‘vip’, segundo Rocha. “Nos ofereceram um tour pelos principais pontos turísticos do Panamá, com comida nos melhores restaurantes”, contou. Eraldo Rocha está na terceira Jornada (2013 Rio de Janeiro, 2016 Cracóvia e Panamá) e as meninas são estreantes. Eles têm participado de peregrinações, missas campais, momentos de oração, apresentações culturais, festivais de dança, concertos, dia ecológico.

     Pelo Caminho Neocatecumenal, estão previstos dias de evangelização porta a porta e nas praças. “No domingo, haverá um evento cultural, onde os jovens do Paraná irão apresentar algo da nossa cultura, dança e música, e, na segunda-feira, acontecerá um grande anúncio nas praças, com o grupo do Paraná”, informou o integrante do movimento da Paróquia São Pedro Apóstolo, Jorge Munhoz Júnior. Cerca de 200 jovens da Regional Paraná Leste estarão no Panamá. A Regional engloba Ponta Grossa, Londrina, Piên, Paranaguá, Bocaiúva, São José dos Pinhais, Pinhais e Curitiba.

     Da Paróquia Nossa Senhora da Saúde são 17 participantes: um padre, um casal de catequistas, um casal de apoio e 12 jovens, e, da Paróquia São Pedro Apóstolo, um casal e suas duas filhas, freis João Carlos Mello Cavalleiro e Wainer José de Queiroz, Irmã Silvana e mais quatro jovens.


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Luau Jovem | 270 casais e padre Claudemir renovam votos | Missa festeja 25 anos de sacerdócio de padres | Cinco padres festejam 25 anos de sacerdócio |





Publicado em: 18/01/2019

Grupo de Ponta Grossa é o primeiro a chegar para JMJ

Três peregrinos da Paróquia São Pedro tiveram tratamento vip

 

     Já em sua 33ª edição e pela primeira vez realizada em um país da América Central a Jornada Mundial da Juventude acontece no Panamá, dos dias 22 a 27 deste mês. O Papa Francisco chegará ao país dia 23, à tarde. O tema deste ano da JMJ é  ‘Eis a serva do Senhor; faça-se mim segundo a tua palavra’ (Lc 1:38). A Diocese de Ponta Grossa está representada na Jornada deste ano por, pelo menos, 33 peregrinos , 32 de Ponta Grossa e um de Imbituva, Luiz Antônio Paz, que viajou por conta própria. Os demais foram graças ao comprometimento da Paróquia São José e do Caminho Neocatecumenal das paróquias São Pedro Apóstolo e Nossa Senhora da Saúde, que embarcaram nesta quinta-feira, às 8 horas, com chegada a Santiago prevista para a sexta-feira.

     A pré-jornada, no entanto, já começou. Entre 17 e 21 de janeiro, as atividades envolvendo os jovens são organizadas nas várias dioceses. Os três paroquianos da São Pedro, por exemplo,Eraldo Rocha (coordenador do grupo), Nadine Sansana e Ana Paula Grosman, foram acolhidos por uma família da Diocese de Kuna Yala, na Província de Cólon. O grupo foi o primeiro a chegar ao país e, graças a isso, receberam tratamento ‘vip’, segundo Rocha. “Nos ofereceram um tour pelos principais pontos turísticos do Panamá, com comida nos melhores restaurantes”, contou. Eraldo Rocha está na terceira Jornada (2013 Rio de Janeiro, 2016 Cracóvia e Panamá) e as meninas são estreantes. Eles têm participado de peregrinações, missas campais, momentos de oração, apresentações culturais, festivais de dança, concertos, dia ecológico.

     Pelo Caminho Neocatecumenal, estão previstos dias de evangelização porta a porta e nas praças. “No domingo, haverá um evento cultural, onde os jovens do Paraná irão apresentar algo da nossa cultura, dança e música, e, na segunda-feira, acontecerá um grande anúncio nas praças, com o grupo do Paraná”, informou o integrante do movimento da Paróquia São Pedro Apóstolo, Jorge Munhoz Júnior. Cerca de 200 jovens da Regional Paraná Leste estarão no Panamá. A Regional engloba Ponta Grossa, Londrina, Piên, Paranaguá, Bocaiúva, São José dos Pinhais, Pinhais e Curitiba.

     Da Paróquia Nossa Senhora da Saúde são 17 participantes: um padre, um casal de catequistas, um casal de apoio e 12 jovens, e, da Paróquia São Pedro Apóstolo, um casal e suas duas filhas, freis João Carlos Mello Cavalleiro e Wainer José de Queiroz, Irmã Silvana e mais quatro jovens.


Diocede Ponta Grossa
A primeira missa da pré-jornada foi realizada neste dia 17, na igreja São Judas Tadeu, em Cativá Colon   |   Acervo

Diocede Ponta Grossa
Missa campal foi celebrada por mais de 20 padres de diversas etnias   |   Acervo

Diocede Ponta Grossa
Família de acolhida em festa por receber os primeiros a chegar no Panamá para a jornada ,felizes por serem brasileiros, disseram eles   |   Acervo

Diocede Ponta Grossa
A peregrinação foi rumo a nova cidade de Colon, que se chama Los Lagos   |   Acervo

Diocede Ponta Grossa
Os brasileiros de Ponta Grossa chegaram ao Panamá no dia 10 deste mês   |   Acervo

Diocede Ponta Grossa
  |   Acervo


Navegue até a sua Paróquia