DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 27/05/2019

Padre Peteleco festeja 50 anos de sacerdócio

Missa celebrada pelo bispo e jantar marcaram a data

 
O bispo dom Sergio celebrou a missa em ação de graças O bispo dom Sergio celebrou a missa em ação de graças | Crédito: Marina Caillot/Pascom Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

      “Renovo minhas ações de graça pela minha eleição, renovo, igualmente, meus compromissos sacerdotais com Cristo, com a Igreja, minha mãe, e com todos os meus irmãos para os quais fui enviado”. O trecho da renovação das promessas do padre João Pedro da Silva Peres, ou, padre Peteleco, resume bem a emoção que foi a celebração desta sexta-feira (24), na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, na Vila Marina, em Ponta Grossa. O sacerdote gaúcho completou 50 anos de ministério. Uma missa celebrada pelo bispo dom Sergio Arthur Braschi um jantar festivo marcou a importante data.

      O padre fez sua caminhada vocacional junto aos salesianos, proximidade que começou ainda no Rio Grande do Sul e se oficializou com a formação em São Paulo. Trabalhou no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora foi vigário por três vezes:de julho a dezembro de 2004, de janeiro de 2010 a dezembro de 2013, e, de janeiro de 2018 até hoje. “É muito bom, muito legal ser padre, mas não é facil. É importante como qualquer outra vocação: como ser pai de família...por isso é importante toda a garotada que está pensando em ser padre conversar com os pais, com os padres sobre isso, para ter orientação correta e viver a alegria de ser sacerdote, assumindo o sacerdócio de Jesus Cristo e prestando um serviço na comunidade”, comentou.

      Ainda durante a renovação dos votos, padre Peteleco reiterou o sacerdócio em Jesus Cristo. “Quero unir-me e identificar-me mais estreitamente com o Senhor Jesus, meu mestre e meu modelo, renunciando a mim mesmo para consagrar-me totalmente aos deveres de minha vocação”, jurou solenemente, prometendo, mais uma vez, fidelidade na distribuição do dom da Palavra e do Sacramentos. O bispo dom Sergio enalteceu a alegria do momento. “50 anos de sacerdócio do padre João, sacerdote de Dom Bosco, exatamente, hoje, festa litúrgica de Nossa Senhora Auxiliadora. Que Deus abençoe o padre e todos os salesianos e que possa fazer surgir numerosas vocações para esse serviço à juventude, crianças, adolescentes e a todas as famílias”.

      O pároco, padre Isidoro Paula da Silva, lembrou que paróquia inteira se organizou para prestar a homenagem. “Agradecemos o serviço do padre Peteleco no atendimento aos doentes, na acolhida das confissões, nas celebrações das missas, fazendo tanto bem. Louvamos por sua vida e pedimos bênçãos de Nossa Senhora Auxiliadora”, destacou.  


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| ECC festeja seus 50 anos   |   Missa do Crisma reúne padres da diocese   |   Live atinge mais de 10 mil pessoas   |   Missa do Crisma será no feriado   |  





Publicado em: 27/05/2019

Padre Peteleco festeja 50 anos de sacerdócio

Missa celebrada pelo bispo e jantar marcaram a data

 

      “Renovo minhas ações de graça pela minha eleição, renovo, igualmente, meus compromissos sacerdotais com Cristo, com a Igreja, minha mãe, e com todos os meus irmãos para os quais fui enviado”. O trecho da renovação das promessas do padre João Pedro da Silva Peres, ou, padre Peteleco, resume bem a emoção que foi a celebração desta sexta-feira (24), na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora, na Vila Marina, em Ponta Grossa. O sacerdote gaúcho completou 50 anos de ministério. Uma missa celebrada pelo bispo dom Sergio Arthur Braschi um jantar festivo marcou a importante data.

      O padre fez sua caminhada vocacional junto aos salesianos, proximidade que começou ainda no Rio Grande do Sul e se oficializou com a formação em São Paulo. Trabalhou no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora foi vigário por três vezes:de julho a dezembro de 2004, de janeiro de 2010 a dezembro de 2013, e, de janeiro de 2018 até hoje. “É muito bom, muito legal ser padre, mas não é facil. É importante como qualquer outra vocação: como ser pai de família...por isso é importante toda a garotada que está pensando em ser padre conversar com os pais, com os padres sobre isso, para ter orientação correta e viver a alegria de ser sacerdote, assumindo o sacerdócio de Jesus Cristo e prestando um serviço na comunidade”, comentou.

      Ainda durante a renovação dos votos, padre Peteleco reiterou o sacerdócio em Jesus Cristo. “Quero unir-me e identificar-me mais estreitamente com o Senhor Jesus, meu mestre e meu modelo, renunciando a mim mesmo para consagrar-me totalmente aos deveres de minha vocação”, jurou solenemente, prometendo, mais uma vez, fidelidade na distribuição do dom da Palavra e do Sacramentos. O bispo dom Sergio enalteceu a alegria do momento. “50 anos de sacerdócio do padre João, sacerdote de Dom Bosco, exatamente, hoje, festa litúrgica de Nossa Senhora Auxiliadora. Que Deus abençoe o padre e todos os salesianos e que possa fazer surgir numerosas vocações para esse serviço à juventude, crianças, adolescentes e a todas as famílias”.

      O pároco, padre Isidoro Paula da Silva, lembrou que paróquia inteira se organizou para prestar a homenagem. “Agradecemos o serviço do padre Peteleco no atendimento aos doentes, na acolhida das confissões, nas celebrações das missas, fazendo tanto bem. Louvamos por sua vida e pedimos bênçãos de Nossa Senhora Auxiliadora”, destacou.  


Diocede Ponta Grossa
O bispo dom Sergio celebrou a missa em ação de graças   |   Marina Caillot/Pascom Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Diocede Ponta Grossa
O jantar festivo, por adesão, lotou o salão paroquial na sexta-feira à noite   |   Marina Caillot/Pascom Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Diocede Ponta Grossa
A festa dos 50 anos teve até bolo para marcar a importante data   |   Marina Caillot/Pascom Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Diocede Ponta Grossa
O aniversariante ladeado por dom Sergio e padre Isidoro   |   Marina Caillot/Pascom Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora


Navegue até a sua Paróquia