DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 28/06/2019

Missa marca festa do Sagrado Coração

Celebração acolhe novos integrantes do Apostolado da Oração

 
O Apostolado da Oração existe há mais de 100 anos em três cidades da Diocese O Apostolado da Oração existe há mais de 100 anos em três cidades da Diocese | Crédito: Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa

     Nesta sexta-feira (28), uma missa solene marca a festa do Sagrado Coração de Jesus na Diocese de Ponta Grossa. Na celebração, presidida pelo bispo dom Sergio Arthur Braschi acontece o ritual de ingresso de mais de 200 novos integrantes do Apostolado da Oração, que serão consagrados ao Sagrado Coração de Jesus e receberão suas fitas. Programada para as 19 horas, na Reitoria do Sagrado Coração de Jesus, a ‘igreja dos Polacos’, em Ponta Grossa, a celebração envolverá 28 coordenadoras, que, simbolicamente representarão os novos participantes.

     De acordo com a coordenadora diocesana do Apostolado da Oração, Norma Sueli Pires Siemieniaco, a festa do Sagrado Coração acontece todos os anos, sempre na oitava de Corpus Christi. “Este ano, em especial, vai acontecer na igreja dos Polacos, considerado o santuário do Sagrado Coração de Jesus. O bispo (dom Sergio) vai abençoar os que vão se consagrar ao Sagrado Coração e as fitas vermelhas que nos distingue. A fita só tem quem se compromete a fazer algo a mais já que todos somos devotos”, explica,  citando que para integrar o Apostolado é  preciso seguir um caminho de espiritualidade e conhecimento. 

      A consagração pode ser renovada todo o ano, segundo Norma. “Quando é feita recebe-se indulgências, mas, para isso, é preciso estar em estado de graça, ter se confessado, estar preparado. É como que uma gestação que dura nove sexta-feiras, sempre a primeira do mês. Neste período, vamos crescendo na fé, no amor, na dedicação e nas obrigações que assumimos ao entrar para o Apostolado que  é a oração, a adoração, a Eucaristia, o cuidado com os doentes e os mais necessitados e o serviço a Igreja”, enfatiza a coordenadora. O Apostolado, lembrou, foi reconhecido como Obra Pontifícia e passou a se chamar Rede Mundial de Oração do Papa. “E abraçou o Movimento. É ele que nos passa as intenções, todo o mês, vendo as necessidades de oração que o mundo precisa. E o Apostolado fica responsável por fazer essas orações, ajudar no fortalecimento da fé, em um oferecimento diário”, acrescenta.  

      Norma Sueli comenta que, por conta das festividades dos 175 anos do Apostolado da Oração – nasceu em 1844,  na França - está sendo feito um levantamento em toda a diocese sobre as datas de fundação e os integrantes atuais e já falecidos. “Todos os nomes serão enviados a Roma, para o Papa Francisco. Vamos descobrir quantos membros existem nas paróquias, nas capelas, quem são, quem foram os que abriram caminho. Sabemos de capelas que começaram com dois ou três e hoje estão com oitenta, cem integrantes. É uma honra, um privilégio fazer parte do Apostolado não só para mim como coordenadora, mas para todos que participam e que terão, agora, seus nomes junto ao Papa”, diz Norma, emocionada.  O Apostolado da Oração, ou, Rede Mundial de Oração do Papa chegou ao Brasil em 1867, e, tem  atualmente perto de quatro mil integrantes na Diocese de Ponta Grossa. Em três cidades da região, a pontifícia obra funciona há de cem anos: Castro, Teixeira Soares e Piraí do Sul.


  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Diocese ganhará relíquias de São João Paulo II   |   ECC festeja seus 50 anos   |   Missa do Crisma reúne padres da diocese   |   Live atinge mais de 10 mil pessoas   |  





Publicado em: 28/06/2019

Missa marca festa do Sagrado Coração

Celebração acolhe novos integrantes do Apostolado da Oração

 

     Nesta sexta-feira (28), uma missa solene marca a festa do Sagrado Coração de Jesus na Diocese de Ponta Grossa. Na celebração, presidida pelo bispo dom Sergio Arthur Braschi acontece o ritual de ingresso de mais de 200 novos integrantes do Apostolado da Oração, que serão consagrados ao Sagrado Coração de Jesus e receberão suas fitas. Programada para as 19 horas, na Reitoria do Sagrado Coração de Jesus, a ‘igreja dos Polacos’, em Ponta Grossa, a celebração envolverá 28 coordenadoras, que, simbolicamente representarão os novos participantes.

     De acordo com a coordenadora diocesana do Apostolado da Oração, Norma Sueli Pires Siemieniaco, a festa do Sagrado Coração acontece todos os anos, sempre na oitava de Corpus Christi. “Este ano, em especial, vai acontecer na igreja dos Polacos, considerado o santuário do Sagrado Coração de Jesus. O bispo (dom Sergio) vai abençoar os que vão se consagrar ao Sagrado Coração e as fitas vermelhas que nos distingue. A fita só tem quem se compromete a fazer algo a mais já que todos somos devotos”, explica,  citando que para integrar o Apostolado é  preciso seguir um caminho de espiritualidade e conhecimento. 

      A consagração pode ser renovada todo o ano, segundo Norma. “Quando é feita recebe-se indulgências, mas, para isso, é preciso estar em estado de graça, ter se confessado, estar preparado. É como que uma gestação que dura nove sexta-feiras, sempre a primeira do mês. Neste período, vamos crescendo na fé, no amor, na dedicação e nas obrigações que assumimos ao entrar para o Apostolado que  é a oração, a adoração, a Eucaristia, o cuidado com os doentes e os mais necessitados e o serviço a Igreja”, enfatiza a coordenadora. O Apostolado, lembrou, foi reconhecido como Obra Pontifícia e passou a se chamar Rede Mundial de Oração do Papa. “E abraçou o Movimento. É ele que nos passa as intenções, todo o mês, vendo as necessidades de oração que o mundo precisa. E o Apostolado fica responsável por fazer essas orações, ajudar no fortalecimento da fé, em um oferecimento diário”, acrescenta.  

      Norma Sueli comenta que, por conta das festividades dos 175 anos do Apostolado da Oração – nasceu em 1844,  na França - está sendo feito um levantamento em toda a diocese sobre as datas de fundação e os integrantes atuais e já falecidos. “Todos os nomes serão enviados a Roma, para o Papa Francisco. Vamos descobrir quantos membros existem nas paróquias, nas capelas, quem são, quem foram os que abriram caminho. Sabemos de capelas que começaram com dois ou três e hoje estão com oitenta, cem integrantes. É uma honra, um privilégio fazer parte do Apostolado não só para mim como coordenadora, mas para todos que participam e que terão, agora, seus nomes junto ao Papa”, diz Norma, emocionada.  O Apostolado da Oração, ou, Rede Mundial de Oração do Papa chegou ao Brasil em 1867, e, tem  atualmente perto de quatro mil integrantes na Diocese de Ponta Grossa. Em três cidades da região, a pontifícia obra funciona há de cem anos: Castro, Teixeira Soares e Piraí do Sul.


Diocede Ponta Grossa
O Apostolado da Oração existe há mais de 100 anos em três cidades da Diocese   |   Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa


Navegue até a sua Paróquia