DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 13/03/2020

Clero da diocese se reuniu nesta quinta

Temas como o INSS Digital e o Coronavirus na pauta

 
O clero se reuniu no salão paroquial da igreja Nossa Senhora Medianeira O clero se reuniu no salão paroquial da igreja Nossa Senhora Medianeira | Crédito: AssCom Diocese de Ponta Grossa

      A primeira reunião geral do clero deste ano aconteceu nesta quinta-feira (12), no salão paroquial da igreja Nossa Senhora Medianeira, no Jardim Esplanada, em Ponta Grossa. Padres, religiosos e alguns diáconos estiveram reunidos a manhã toda e início da tarde com o bispo dom Sergio Arhur Braschi e o coordenador diocesano da Ação Evangelizadora, padre Joel Nalepa, na discussão de assuntos internos e também para ouvir sobre a Visita Ad Limina, a Campanha da Fraternidade e a audiência pública desta sexta-feira (13), sobre o INSS Digital e os prejuízos no atendimento de pessoas carentes, e, sobre a Carta dos Bispos do Paraná sobre cuidados de combate à dengue  e o Coronavirus.

      A reunião abordou ainda as visitas pastorais do bispo às paróquias da diocese, que começam dia 16, pela Paróquia São Pedro e São Paulo, em Telêmaco Borba. “Serão, ao todo, cinco visitas, a paróquias novas ou que foram criadas e não receberam o bispo ou às que há muito tempo não são visitadas”, justificou dom Sergio.

      Padre Leonel Stanski, da Paróquia São Sebastião, de Fernandes Pinheiro, falou sobre a realização da 33ª Romaria da Terra do Paraná, prevista para acontecer na paróquia, em agosto. É a primeira vez que a Diocese de Ponta Grossa sedia a romaria. “Fernandes Pinheiro vai ser a sede este ano da Feira Regional de Sementes Crioulas e da Agrobiodiversidade, dias 14,15 e 16 de agosto. Representantes da Comissão Pastoral da Terra estiveram falando com o bispo e comigo, nos convidando para receber também a romaria”, detalhou padre Leonel.

      A conscientização sobre os riscos do uso de agrotóxicos, que além de prejudicar a saúde ainda contamina e polui rios e o solo, está ligada diretamente ao tema da Campanha da Fraternidade deste ano: Vida, dom e compromisso, defendeu padre Joel Nalepa, ao convocar todo o clero a participar da organização da romaria.

      “Também essa semana, na sexta-feira, outro assunto que diz respeito a defesa da vida, em especial dos mais fracos, dos desassistidos e limitados economicamente será discutido na Câmara Municipal de Ponta Grossa, em uma audiência pública que não é direcionada somente aqui a cidade, mas a todos os municípios atendidos pela agência do INSS. O prejuízo a grande parte da população causado pelo atendimento digital do INSS precisa de nossa atenção. Seria muito bom se cada paróquia pudesse enviar pelo menos dois integrantes de pastorais para acompanhar a discussão, ou, ainda uma pessoa que está tendo dificuldade em solicitar um benefício junto à Previdência”, aconselhou o coordenador da Ação Evangelizadora.

      Na mesma linha de raciocínio – de cuidado com a vida – foi chamado a atenção de padres e religiosos quanto a Carta dos Bispos do Paraná sobre o combate à Dengue e ao Coronavirus. Padre Joel comentou sobre os 24 mil folders enviados pelo governo do Estado, com informações a respeito das doenças, seu contágio e meios de prevenção, e que foram distribuídos às paróquias. “Além desse material informativo, que é bom que circule nas comunidades, vamos evitar o Pai Nosso de mãos dadas e o abraço da paz nas celebrações e também entregar a comunhão na boca. São recomendações da CNBB e que precisamos seguir e divulgar”, afirmou. Dom Sergio, ao lembrar que não há caso de contaminação por Coronavirus na região, descartou o cancelamento de eventos.     


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Paróquia de PG instala cabine de desinfecção   |   Máscara: evangelizando ao se proteger   |   Live de Santa Rita terá gesto concreto   |   Paróquia se une em ações solidárias   |  





Publicado em: 13/03/2020

Clero da diocese se reuniu nesta quinta

Temas como o INSS Digital e o Coronavirus na pauta

 

      A primeira reunião geral do clero deste ano aconteceu nesta quinta-feira (12), no salão paroquial da igreja Nossa Senhora Medianeira, no Jardim Esplanada, em Ponta Grossa. Padres, religiosos e alguns diáconos estiveram reunidos a manhã toda e início da tarde com o bispo dom Sergio Arhur Braschi e o coordenador diocesano da Ação Evangelizadora, padre Joel Nalepa, na discussão de assuntos internos e também para ouvir sobre a Visita Ad Limina, a Campanha da Fraternidade e a audiência pública desta sexta-feira (13), sobre o INSS Digital e os prejuízos no atendimento de pessoas carentes, e, sobre a Carta dos Bispos do Paraná sobre cuidados de combate à dengue  e o Coronavirus.

      A reunião abordou ainda as visitas pastorais do bispo às paróquias da diocese, que começam dia 16, pela Paróquia São Pedro e São Paulo, em Telêmaco Borba. “Serão, ao todo, cinco visitas, a paróquias novas ou que foram criadas e não receberam o bispo ou às que há muito tempo não são visitadas”, justificou dom Sergio.

      Padre Leonel Stanski, da Paróquia São Sebastião, de Fernandes Pinheiro, falou sobre a realização da 33ª Romaria da Terra do Paraná, prevista para acontecer na paróquia, em agosto. É a primeira vez que a Diocese de Ponta Grossa sedia a romaria. “Fernandes Pinheiro vai ser a sede este ano da Feira Regional de Sementes Crioulas e da Agrobiodiversidade, dias 14,15 e 16 de agosto. Representantes da Comissão Pastoral da Terra estiveram falando com o bispo e comigo, nos convidando para receber também a romaria”, detalhou padre Leonel.

      A conscientização sobre os riscos do uso de agrotóxicos, que além de prejudicar a saúde ainda contamina e polui rios e o solo, está ligada diretamente ao tema da Campanha da Fraternidade deste ano: Vida, dom e compromisso, defendeu padre Joel Nalepa, ao convocar todo o clero a participar da organização da romaria.

      “Também essa semana, na sexta-feira, outro assunto que diz respeito a defesa da vida, em especial dos mais fracos, dos desassistidos e limitados economicamente será discutido na Câmara Municipal de Ponta Grossa, em uma audiência pública que não é direcionada somente aqui a cidade, mas a todos os municípios atendidos pela agência do INSS. O prejuízo a grande parte da população causado pelo atendimento digital do INSS precisa de nossa atenção. Seria muito bom se cada paróquia pudesse enviar pelo menos dois integrantes de pastorais para acompanhar a discussão, ou, ainda uma pessoa que está tendo dificuldade em solicitar um benefício junto à Previdência”, aconselhou o coordenador da Ação Evangelizadora.

      Na mesma linha de raciocínio – de cuidado com a vida – foi chamado a atenção de padres e religiosos quanto a Carta dos Bispos do Paraná sobre o combate à Dengue e ao Coronavirus. Padre Joel comentou sobre os 24 mil folders enviados pelo governo do Estado, com informações a respeito das doenças, seu contágio e meios de prevenção, e que foram distribuídos às paróquias. “Além desse material informativo, que é bom que circule nas comunidades, vamos evitar o Pai Nosso de mãos dadas e o abraço da paz nas celebrações e também entregar a comunhão na boca. São recomendações da CNBB e que precisamos seguir e divulgar”, afirmou. Dom Sergio, ao lembrar que não há caso de contaminação por Coronavirus na região, descartou o cancelamento de eventos.     


Diocede Ponta Grossa
O clero se reuniu no salão paroquial da igreja Nossa Senhora Medianeira   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa

Diocede Ponta Grossa
Dom Sergio mostrou fotos e contou detalhes da Visita Ad Limina e da conversa com o Papa Francisco   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa

Diocede Ponta Grossa
Padres e religiosos receberam material informativo sobre Dengue e o Coronavirus   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa


Navegue até a sua Paróquia