DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros

PASTORAL DA SAÚDE


1. Justificativa
“Jesus percorria todas as cidades e aldeias. Ensinava nas sinagogas, pregando o Evangelho do Reino de Deus e curando todo mal e toda enfermidade”. (Mt 9,35)
· “Curai os doentes, ressuscitai os mortos, purificai os leprosos, expulsai os demônios. Recebeste de graça, de graça dai. Não leveis nem ouro, nem prata, nem dinheiro em vossos cintos”. (Mt 10,8-)
· Todos, sem exceção, são chamados a proporcionar qualidade de vida e denunciar tudo que impede o desabrochar desse Dom precioso de Deus, como fez Cristo, que disse: “Eu vim para que todos tenham vida, e a tenham em abundância” (Jo 10,10).

2. Objetivo
Evangelizar com renovado ardor missionário o mundo da saúde, à luz da opção preferencial pelos pobres, enfermos e sofredores, participando da construção de uma sociedade justa e solidária a serviço da vida, sinal do Reino de Deus.

3. Diretrizes
Sensibilizar a Igreja e a sociedade a respeito do sofrimento, denunciando a marginalização dos doentes, portadores de deficiências e idosos e de maneira especial, em face das novas formas de sofrimento e de doenças contemporâneas (portadores de HIV, doentes mentais e terminais, Etc.) Zelar pela humanização e evangelização do ambiente hospitalar, visando o bem-estar de todos os que nele se encontram (profissionais, funcionários, doentes e familiares).

Participar ativa e criticamente nas instâncias oficiais que decidem a política de saúde da Nação, Estado, Região e Município. Favorecer políticas de humanização, colocando o doente como razão de ser das instituições de saúde, no resgate da dignidade humana, no processo de fortalecer a fé e esperança cristã.

Apoiar e criar espaços de luta política e solidariedade em favor da vida, valorizando as organizações populares e suas iniciativas. Celebrar nas instituições de saúde(hospitais, ambulatórios, postos de saúde) e comunidade, datas significativas relacionadas com o mundo da saúde, tais como: Dia do Enfermo(11 de fevereiro), Dia Mundial da Saúde (7 de abril), Páscoa, Dia de São Camilo de Léllis (14 de julho), Natal e as datas comemorativas dos profissionais de saúde.

Conscientizar a comunidade a respeito do direito à saúde e o dever de lutar por condições mais humanas de vida, terra, trabalho, salário justo, moradia, alimentação, educação, lazer, saneamento básico e preservação da natureza. Priorizar ações de educação, implementando uma verdadeira cultura de saúde, com ênfase em ações preventivas, permeadas pelos valores da solidariedade, justiça e equidade.

Incentivar e desenvolver a formação e a capacitação contínua dos agentes da Pastoral da Saúde, nos aspectos humanos, técnicos, éticos e cristãos, criando centros regionais de formação de agentes de pastoral.

4. Atividades
· Reuniões semestrais da Equipe Regional e Coordenadores Diocesanos para formação e articulação dos Trabalhos da Pastoral da Saúde.
· Encontro Anual da Equipe Regional e Coordenadores Diocesanos e Paroquiais para formação e avaliação dos trabalhos da Pastoral da Saúde.
· Correspondências e troca de material formativo e informativo.
Atividades – linhas de ação
· Busca a vivência e a presença samaritana juntos aos doentes e sofredores nos hospitais, domicílios e comunidades; visa implementar ações de prevenção e de promoção em saúde, relacionando-se com instituições da área de saúde pública e desenvolvendo projetos afins; Atua junto aos Órgãos e Instituições Públicas e privadas que prestam serviços e formam profissionais na área da saúde; Zela para que haja reflexão Bioética, formação ética e uma política, de saúde sadia, participando ainda dos Conselhos de Saúde (Locais, Distritais, Municipais, Estaduais e Nacionais).

O que é Pastoral da Saúde?
Pastoral da Saúde é repartir a atitude do bom samaritano: ver, ter compaixão, aproximar-se, acolher e servir aquele que sofre, vendo nele a pessoa do próprio Cristo, que disse: " Estive enfermo e me visitaste".

Dimensões Fundamentais
· Saúde comunitária
· Processo educativo, participativo e transformador (dimensão educativa e preventiva).

Pastoral dos enfermos
Vivência da solidariedade junto aos doentes, no âmbito hospitalar, domiciliar, e comunitário (dimensão solidária).

Pastoral institucional
Atuação junto aos órgãos e instituições públicas e privadas que prestam serviço e formam profissionais na área da saúde (dimensão política).

Objetivos
· Contribuir com a promoção da saúde em todas as suas dimensões, para que as pessoas possam ter, na realidade, vida em abundância, sinal do " Reino de Deus entre nós";
· Manter presença solidária junto aos doentes que, segundo as diretrizes da CNBB, procura promover, preservar, defender, cuidar e celebrar a vida, tornando presente no mundo da saúde a ação libertadora de Jesus, conforme nos ensina o Evangelho.

Princípios Básicos
· Dignidade da pessoa humana.
· O respeito à dignidade da pessoa humana é o fundamento de toda a ação pastoral.
· Cada pessoa é filho de Deus e sujeita de sua história pessoal e comunitária. Ainda que se trate de pessoas viciadas, criminosas, incuráveis, mal-educadas ou que professem o ateísmo, elas devem ser respeitadas como pessoas, dotadas de sentimentos e necessidades físicas, espirituais e psicológicas e merecedoras de apoio concreto.

Eclesialidade
A pastoral da saúde visa tornar presente a Igreja na área da saúde, levando as pessoas à plena comunhão de vida com o Pai e entre si, em Jesus Cristo, no dom do Espírito Santo; também trabalha em sintonia com as diretrizes da igreja particular e local, procurando integrar-se com as outras pastorais.

Ter presente a situação do doente
A Pastoral da Saúde procura ter presente a situação do doente: a curta permanência em sua doença, o motivo que determinou a sua internação e a diversidade dos doentes, muitos com problemas complexos, graves, que pedem solução urgente. Isso exige dos agentes, bom senso, sabedoria, disponibilidade e misericórdia.

Corpo e Espírito
O enfermo é assistido em suas necessidades físicas, sociais e espirituais. A saúde é um estado completo de bem-estar físico, mental e social, e não somente a ausência de enfermidade.

Inspiração na Fé
A ação dos agentes da Pastoral da Saúde inspira-se na mensagem, nas atitudes e na prática de Jesus Cristo com os doentes.

Pastoral da Saúde – Diocese de Ponta Grossa
A Pastoral da Saúde na Diocese de Ponta Grossa começou faz alguns anos com o protagonismo das Irmãs Ucranianas do Hospital Bom Jesus, lembramos da Irmã Maurícia e das ações da Pastoral da Saúde na Diocese de Ponta Grossa, junto às Paróquias, junto à Secretaria da Saúde e junto aos hospitais.

Várias ações da medicina preventiva, da medicina natural e círculos de palestras com profissionais de saúde foram feitos. Destaque é o Dia do Enfermo e de ações preventivas na área de saúde pela população.

A Pastoral da saúde atua levando em consideração a dignidade do ser humano em todas as etapas de sua vida. Atua em função de políticas publicas que levem em conta a saúde da população e dos enfermos. Atua na medicina preventiva com circulo de palestras, seminários e estudos. Atua junto aos profissionais da área de saúde. Procura salvaguardar do direito do enfermo à assistência religiosa de acordo com seu credo. Atua em parceria com outras pastorais que atuam na área da saúde: Pastoral da Aids, Pastoral da Sobriedade, Pastoral da Criança, etc.

Atualmente (2009) há uma equipe de coordenação diocesana da pastoral da saúde que tem como coordenadora a Irmã Anizia Horodesnki da Congregação das Servas de Maria Imaculada – Rito Ucraniano, religiosos e leigos que atuam na área de saúde e nos hospitais. Um das metas da coordenação é a implantação da Pastoral da Saúde nas Paróquias da Diocese de Ponta Grossa.

Oração do enfermo
Senhor, coloco-me diante de ti em atitude de oração. Sei que tu me vês, que tu me penetras, me ouves. Sei que estou em ti e que tua força está em mim. Olha para este meu corpo marcado pelo sofrimento e triturado pela enfermidade. Tu sabes, Senhor quanto me custa sofrer. Sei que tu não te comprazes com o sofrimento de teus filhos.

· Contato
Coordenação: Irmã Anizia Horodesnki
E-mail: pastoraldasaude73@gmail.com
Rua: D.Pedro II, 108 – Nova Rússia – Cx.P.:1600
Fone: (42) 3220-2750 / fax: (42) 3220-2759 - (42) 3226-3755
Ponta Grossa – Paraná – CEP: 84.053-000
Prezados Irmãos e Irmãs na caminhada da Igreja
Informo o novo Email da Pastoral da Saúde: pastoraldasaude73@gmail.com
Saúde e Paz!

Ir. Anizia

ORAÇÃO AO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS
Ó Senhor Jesus Cristo, confio esta intenção ao Vosso Santíssimo Coração, por intermédio do Imaculado Coração de Maria:
(Hoje coloco de modo especial todo problema cardíaco, pedindo a Vossa proteção e cura desta enfermidade).
Olhai para mim e fazei aquilo que o Vosso Coração Vos inspirar.
Que o Vosso Coração decida... Eu confio Nele... Tenho confiança Nele... Lanço-me na Sua Misericórdia.
Senhor Jesus, Vós não me deixareis desiludido.
Sagrado Coração de Jesus, creio no Vosso Amor por mim.
Sagrado Coração de Jesus, venha a nós o Vosso Reino.
Ó Sagrado Coração de Jesus, tenho-Vos pedido muitas graças, mas imploro-Vos ardentemente pela cura das doenças cardíacas.
Tomai-a, Metei-a no Vosso Sagrado Coração; quando o Eterno Pai a ver, coberta com o Vosso Precioso Sangue, não recusará.
Esta não mais será a minha oração, mas sim a Vossa, Jesus.
Ó Sagrado Coração de Jesus, eu ponho a minha confiança em Vós; que eu nunca seja confundido. Amém.


PASTORAIS          





Navegue até a sua Paróquia



Cúria
Cúria
Imprensa
Clipping
Download