DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 23/09/2021

Assembleia dos Bispos é 100% on-line

Novo arcebispo de Cascavel, Dom Adelar Baruffi, foi acolhido

 
No primeiro dia da Assembleia, os bispos dialogaram sobre a realidade da Igreja do Paraná No primeiro dia da Assembleia, os bispos dialogaram sobre a realidade da Igreja do Paraná | Crédito: Karina Carvalho

Na tarde dessa terça-feira (23), os arcebispos e bispos do Paraná iniciaram a sua segunda assembleia anual ordinária, de forma on-line. Essa assembleia reúne todos os arce/bispos do Paraná, o administrador diocesano de Cascavel, padre Reginei Modolo, o secretário executivo da CNBB Sul 2, padre Valdecir Badzinski, e o Presidente da Comissão Regional de Presbíteros, padre Emerson Lipinski.


     Após a abertura da assembleia, com a celebração Liturgia das Horas, o arcebispo de Londrina e presidente do Regional Sul 2 da CNBB, Dom Geremias Steinmetz, fez a acolhida do novo arcebispo de Cascavel, Dom Adelar Baruffi, nomeado pelo Papa Francisco no dia de ontem, 22 de setembro. Em seguida, alguns bispos também saudaram e acolheram o novo arcebispo. Dom Adelar, por sua vez, agradeceu a acolhida e as felicitações dos bispos e afirmou estar feliz em assumir essa nova missão no Paraná. “Quero estar com vocês para, juntos, trabalharmos e realizarmos a missão a nós confiada”, afirmou Dom Adelar.


     Dando início a assembleia, os bispos aprovaram a pauta a ser trabalhada e Dom Geremias fez a leitura da ata das atividades realizadas no Regional desde a última assembleia, ocorrida em março desse ano. Em seguida, os bispos dialogaram sobre a realidade das pastorais, movimentos e organismos presentes no Paraná.


     Segundo Dom Geremias, um dos assuntos importantes, sobre o qual os bispos dedicaram um bom tempo, foi a Missão São Paulo VI, que a Igreja do Paraná mantém no país da Guiné-Bissau, África. “Dialogamos sobre todo contexto da Missão e reafirmamos a opção de enviar um padre que deverá, no tempo oportuno, participar do trabalho da Missão. Nessa tarde, também tratamos sobre o projeto da Cartilha de Orientação Política, que será produzida pelo Regional no próximo ano. Além de outros assuntos importantes, como a Campanha da Fraternidade 2022 e a VI Semana Social Brasileira”, afirmou Dom Geremias.


     Sobre o esse primeiro dia de assembleia, Dom Geremias avaliou que foi muito positivo. “Todos os bispos estão participando, estão falando e está sendo uma conversa muito franca e muito aberta, em que a gente, de fato, consegue analisar as questões e os problemas da nossa Igreja. Só não estamos presencialmente reunidos, mas estamos em sintonia e profunda comunhão, cumprindo com nossa missão”, afirmou o arcebispo.


     Esse primeiro dia de assembleia concluiu-se às 18 horas e será retomado amanhã, às 8 horas, concluindo-se às 12 horas. No mesmo dia, às 14 horas, terá início a 41ª Assembleia do Povo de Deus, que será realizada de forma híbrida, ou seja, cada arqui/diocese estará reunida com seus líderes e conectada via plataforma Zoom umas às outras.


     Para Dom Geremias, as expectativas do episcopado, em geral, são muito boas, pois será atingido um número grande de lideranças. “Nós teremos nesse modelo de assembleia, provavelmente, mais de 400 pessoas participando. Normalmente, quando realizamos a assembleia de forma presencial, não passamos de 150 pessoas. Portanto, será um ganho, em termos de número de participação nas dioceses. Aqui em Londrina, estaremos reunidos no Centro de Pastoral, de onde eu vou dirigir a Assembleia como um todo, enquanto Presidente do Regional, e ao mesmo tempo acompanhar o povo da minha Arquidiocese, que participa com alegria dessa assembleia”, disse Dom Geremias. 


∗Texto: Karina Carvalho/Assessoria de Comunicação Regional Sul 2


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Feira de negócios encerra curso   |   Paróquia Cristo Rei completa 100 anos   |   Sínodo 2023: live quer preparar católicos   |   Festa de Aparecida marcada pela fé   |  





Publicado em: 23/09/2021

Assembleia dos Bispos é 100% on-line

Novo arcebispo de Cascavel, Dom Adelar Baruffi, foi acolhido

 

Na tarde dessa terça-feira (23), os arcebispos e bispos do Paraná iniciaram a sua segunda assembleia anual ordinária, de forma on-line. Essa assembleia reúne todos os arce/bispos do Paraná, o administrador diocesano de Cascavel, padre Reginei Modolo, o secretário executivo da CNBB Sul 2, padre Valdecir Badzinski, e o Presidente da Comissão Regional de Presbíteros, padre Emerson Lipinski.


     Após a abertura da assembleia, com a celebração Liturgia das Horas, o arcebispo de Londrina e presidente do Regional Sul 2 da CNBB, Dom Geremias Steinmetz, fez a acolhida do novo arcebispo de Cascavel, Dom Adelar Baruffi, nomeado pelo Papa Francisco no dia de ontem, 22 de setembro. Em seguida, alguns bispos também saudaram e acolheram o novo arcebispo. Dom Adelar, por sua vez, agradeceu a acolhida e as felicitações dos bispos e afirmou estar feliz em assumir essa nova missão no Paraná. “Quero estar com vocês para, juntos, trabalharmos e realizarmos a missão a nós confiada”, afirmou Dom Adelar.


     Dando início a assembleia, os bispos aprovaram a pauta a ser trabalhada e Dom Geremias fez a leitura da ata das atividades realizadas no Regional desde a última assembleia, ocorrida em março desse ano. Em seguida, os bispos dialogaram sobre a realidade das pastorais, movimentos e organismos presentes no Paraná.


     Segundo Dom Geremias, um dos assuntos importantes, sobre o qual os bispos dedicaram um bom tempo, foi a Missão São Paulo VI, que a Igreja do Paraná mantém no país da Guiné-Bissau, África. “Dialogamos sobre todo contexto da Missão e reafirmamos a opção de enviar um padre que deverá, no tempo oportuno, participar do trabalho da Missão. Nessa tarde, também tratamos sobre o projeto da Cartilha de Orientação Política, que será produzida pelo Regional no próximo ano. Além de outros assuntos importantes, como a Campanha da Fraternidade 2022 e a VI Semana Social Brasileira”, afirmou Dom Geremias.


     Sobre o esse primeiro dia de assembleia, Dom Geremias avaliou que foi muito positivo. “Todos os bispos estão participando, estão falando e está sendo uma conversa muito franca e muito aberta, em que a gente, de fato, consegue analisar as questões e os problemas da nossa Igreja. Só não estamos presencialmente reunidos, mas estamos em sintonia e profunda comunhão, cumprindo com nossa missão”, afirmou o arcebispo.


     Esse primeiro dia de assembleia concluiu-se às 18 horas e será retomado amanhã, às 8 horas, concluindo-se às 12 horas. No mesmo dia, às 14 horas, terá início a 41ª Assembleia do Povo de Deus, que será realizada de forma híbrida, ou seja, cada arqui/diocese estará reunida com seus líderes e conectada via plataforma Zoom umas às outras.


     Para Dom Geremias, as expectativas do episcopado, em geral, são muito boas, pois será atingido um número grande de lideranças. “Nós teremos nesse modelo de assembleia, provavelmente, mais de 400 pessoas participando. Normalmente, quando realizamos a assembleia de forma presencial, não passamos de 150 pessoas. Portanto, será um ganho, em termos de número de participação nas dioceses. Aqui em Londrina, estaremos reunidos no Centro de Pastoral, de onde eu vou dirigir a Assembleia como um todo, enquanto Presidente do Regional, e ao mesmo tempo acompanhar o povo da minha Arquidiocese, que participa com alegria dessa assembleia”, disse Dom Geremias. 


∗Texto: Karina Carvalho/Assessoria de Comunicação Regional Sul 2


Diocede Ponta Grossa
No primeiro dia da Assembleia, os bispos dialogaram sobre a realidade da Igreja do Paraná   |   Karina Carvalho

Diocede Ponta Grossa
O secretário executivo da CNBB Sul 2, padre Valdecir Badzinski   |   Karina Carvalho


Navegue até a sua Paróquia