DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 21/02/2022

Padre Martinho é acolhido em Ipiranga

Representantes das 21 capelas participaram da celebração

 
A celebração aconteceu na igreja-matriz da paróquia, ontem pela manhã A celebração aconteceu na igreja-matriz da paróquia, ontem pela manhã | Crédito: Juvanei Freitas

“Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com inteligência e sabedoria” O versículo bíblico de Jeremias 3, 15 deu a tônica do que foi, ontem (20), a celebração de acolhida do padre Martinho Hartmann na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Ipiranga. O sacerdote vai auxiliar como vigário paroquial o padre Nelson Schiel, que completa 90 anos em julho. Padre Martinho atenderá especialmente as 21 comunidades do interior, visitando doentes, ouvindo confissões e celebrando missas. Neste domingo mesmo, depois da missa, ele se reuniu com representantes das capelas para marcar as celebrações no interior. O trabalho na paróquia começa efetivamente daqui a duas semanas.


     Há 59 anos à frente da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, padre Nelson dizia ontem que a comunidade viva um momento diferente e de alegria. “Nós vamos receber mais um reforço. Eu já estou ficando velho, mas estou forte e com alegria, já nas vésperas dos 90 anos. Vamos rezar para que o padre Martinho se sinta bem entre nós. Agradeço de modo muito especial a Nossa Senhora da Conceição e a todos os que puderem vir das 21 capelas”, comentou, lembrando que padre Martinho vai morar em Ponta Grossa, como foi orientado pelo bispo para trabalhar também pelas vocações. “E como é difícil arrumar vocações, ter vocações; É preciso muita perseverança”, citou. Padre Martinho vai residir no Seminário Maior de Teologia São João Maria Vianney


     A missa de acolhida foi celebrada pelo vigário geral da Diocese, padre Jaime Rossa, e concelebrada pelos padres Nelson, Martinho, Alvaro Martins Nortok e pelo diácono Ricardo Aparecido dos Santos, ambos da Paróquia Sant’Ana, de Castro, comunidade administrada por padre Martinho até este mês. Padre Jaime reforçou que a vinda de mais um sacerdote ajudará padre Nelson e tornará o atendimento das comunidades mais eficiente. “Nos congregamos como família hoje aqui. Não basta estar junto, é preciso estar unido. O que marca a vida é a união, a fraternidade, a gentileza, partilha, a ajuda mútua, o caminhar junto em direção a um mesmo objetivo, num só pensamento. Ser como diz o Evangelho ‘filhos de Deus’. E a Liturgia vai nos formando a sermos filhos, nos moldando com as características daquele de quem queremos ser discípulos: Jesus Cristo”, enfatizou o vigário geral.


     A vinda do padre auxiliar foi agradecida nas Preces da Comunidade: “pelo padre Martinho, que deixou nosso coração cheio de alegria por Deus nos enviar mais um servo para auxiliar o nosso pároco, padre Nelson, rezemos ao Senhor!”. A comentarista lembrou ainda que, com seus 59 anos completados em fevereiro, a paróquia foi e ainda será abençoada com o trabalho realizado por padre Nelson, “que cumpre sua missão com fé e perseverança, não medindo esforços pelo zelo da comunidade cristã. Hoje é um dia especial para agradecer com muita alegra por todos os anos do padre Nelson como nosso pastor e também dia de acolher com muita felicidade o padre Martinho, uma vocação nascida em nossa comunidade, que foi designado pelo bispo para auxiliar o nosso pároco, padre Nelson. Seja bem-vindo. A partir de agora, você será entre nós membro de cada família, vai compartilhar conosco todos os sofrimentos e alegrias, cuidará de nós como pastor cuida, que conhece cada ovelha de seu rebanho, se apresentará a Deus em nosso nome, oferecendo-lhe nossas preces, voltará a nós para comunicarmos o perdão de Deus e a esperança que possa nos ensinar perdoar, consolar e abençoar. Desejamos que viva com entusiasmo os ensinamentos de Cristo, como um exército, abra caminhos de esperança e que se deixe seduzir todos os dias de sua vida pelo amor infinito de Cristo, fazendo também com que esse amor seduza o coração dos filhos de Deus e nossos irmãos”, afirmava o texto lido em nome da comunidade.


     Padre Martinho citou a presença dos pais, dos irmãos, da cunhada e amigos. Agradeceu padre Alvaro e diácono Ricardo e, também, a acolhida do padre Jaime e dos seminaristas no Seminário São João Maria Vianney. “Temos que agradecer ao padre Nelson, que há 59 anos caminha conosco. Reconhecemos seu valor e importância enquanto igreja, Diocese paróquia. Anos de dedicação, renúncia e amor. Lutou tanto pelas famílias. Rezamos para tê-lo por muitos anos conosco. Saiba que, para nós, padres, o senhor se mostra exemplo de pastor de rebanho, que cuida e apascenta as ovelhas e com muito carinho e zelo. O senhor faz parte da história das famílias porque o senhor é da nossa família. Obrigada por me acolher e permitir caminhar junto”, enfatizou o padre. Em forma de reconhecimento, padre Martinho ofereceu ao pároco uma imagem da Sagrada Família.


     O novo vigário lembrou que os pais moram em Ipiranga, que ali foi confirmado na fé, ao receber o sacramento da Crisma, e também na cidade foi ordenado padre em 14 de agosto de 2010. “Agora, venho para auxiliar. Agradeço de coração a acolhida”, destacou. Padre Martinho recebeu do Movimento em Serra, em nome da paróquia, diversos mimos.


     Nesta terça-feira (22), padre Martinho, como coordenador da Pastoral Presbiteral e representante da Diocese de Ponta Grossa, viaja ao Amazonas ao lado do padre Fábio Sejanoski. Eles passarão pela comunidade sede da Área Missionária Nossa Senhora Aparecida, no KM 70, no dia 23 e, no dia 24, seguem para Lábrea. No dia 25, os dois se encontram com o bispo da Prelazia, Dom Santiago Sànchez Sebastian, quando padre Fábio vai receber as orientações e falar sobre as expectativas quanto ao trabalho na Paróquia São João Batista, em Canutama. Padre Martinho participa ainda da missa de acolhida de padre Fábio, no domingo (27), às 19h30, na igreja-matriz da paróquia.  


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Jovem da Diocese de Ponta Grossa vai representar o Paraná em missão nacional   |   hightech   |   tesdtetetetete   |   Tibagi tem relíquias de nova santa católica   |  





Publicado em: 21/02/2022

Padre Martinho é acolhido em Ipiranga

Representantes das 21 capelas participaram da celebração

 

“Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com inteligência e sabedoria” O versículo bíblico de Jeremias 3, 15 deu a tônica do que foi, ontem (20), a celebração de acolhida do padre Martinho Hartmann na Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Ipiranga. O sacerdote vai auxiliar como vigário paroquial o padre Nelson Schiel, que completa 90 anos em julho. Padre Martinho atenderá especialmente as 21 comunidades do interior, visitando doentes, ouvindo confissões e celebrando missas. Neste domingo mesmo, depois da missa, ele se reuniu com representantes das capelas para marcar as celebrações no interior. O trabalho na paróquia começa efetivamente daqui a duas semanas.


     Há 59 anos à frente da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, padre Nelson dizia ontem que a comunidade viva um momento diferente e de alegria. “Nós vamos receber mais um reforço. Eu já estou ficando velho, mas estou forte e com alegria, já nas vésperas dos 90 anos. Vamos rezar para que o padre Martinho se sinta bem entre nós. Agradeço de modo muito especial a Nossa Senhora da Conceição e a todos os que puderem vir das 21 capelas”, comentou, lembrando que padre Martinho vai morar em Ponta Grossa, como foi orientado pelo bispo para trabalhar também pelas vocações. “E como é difícil arrumar vocações, ter vocações; É preciso muita perseverança”, citou. Padre Martinho vai residir no Seminário Maior de Teologia São João Maria Vianney


     A missa de acolhida foi celebrada pelo vigário geral da Diocese, padre Jaime Rossa, e concelebrada pelos padres Nelson, Martinho, Alvaro Martins Nortok e pelo diácono Ricardo Aparecido dos Santos, ambos da Paróquia Sant’Ana, de Castro, comunidade administrada por padre Martinho até este mês. Padre Jaime reforçou que a vinda de mais um sacerdote ajudará padre Nelson e tornará o atendimento das comunidades mais eficiente. “Nos congregamos como família hoje aqui. Não basta estar junto, é preciso estar unido. O que marca a vida é a união, a fraternidade, a gentileza, partilha, a ajuda mútua, o caminhar junto em direção a um mesmo objetivo, num só pensamento. Ser como diz o Evangelho ‘filhos de Deus’. E a Liturgia vai nos formando a sermos filhos, nos moldando com as características daquele de quem queremos ser discípulos: Jesus Cristo”, enfatizou o vigário geral.


     A vinda do padre auxiliar foi agradecida nas Preces da Comunidade: “pelo padre Martinho, que deixou nosso coração cheio de alegria por Deus nos enviar mais um servo para auxiliar o nosso pároco, padre Nelson, rezemos ao Senhor!”. A comentarista lembrou ainda que, com seus 59 anos completados em fevereiro, a paróquia foi e ainda será abençoada com o trabalho realizado por padre Nelson, “que cumpre sua missão com fé e perseverança, não medindo esforços pelo zelo da comunidade cristã. Hoje é um dia especial para agradecer com muita alegra por todos os anos do padre Nelson como nosso pastor e também dia de acolher com muita felicidade o padre Martinho, uma vocação nascida em nossa comunidade, que foi designado pelo bispo para auxiliar o nosso pároco, padre Nelson. Seja bem-vindo. A partir de agora, você será entre nós membro de cada família, vai compartilhar conosco todos os sofrimentos e alegrias, cuidará de nós como pastor cuida, que conhece cada ovelha de seu rebanho, se apresentará a Deus em nosso nome, oferecendo-lhe nossas preces, voltará a nós para comunicarmos o perdão de Deus e a esperança que possa nos ensinar perdoar, consolar e abençoar. Desejamos que viva com entusiasmo os ensinamentos de Cristo, como um exército, abra caminhos de esperança e que se deixe seduzir todos os dias de sua vida pelo amor infinito de Cristo, fazendo também com que esse amor seduza o coração dos filhos de Deus e nossos irmãos”, afirmava o texto lido em nome da comunidade.


     Padre Martinho citou a presença dos pais, dos irmãos, da cunhada e amigos. Agradeceu padre Alvaro e diácono Ricardo e, também, a acolhida do padre Jaime e dos seminaristas no Seminário São João Maria Vianney. “Temos que agradecer ao padre Nelson, que há 59 anos caminha conosco. Reconhecemos seu valor e importância enquanto igreja, Diocese paróquia. Anos de dedicação, renúncia e amor. Lutou tanto pelas famílias. Rezamos para tê-lo por muitos anos conosco. Saiba que, para nós, padres, o senhor se mostra exemplo de pastor de rebanho, que cuida e apascenta as ovelhas e com muito carinho e zelo. O senhor faz parte da história das famílias porque o senhor é da nossa família. Obrigada por me acolher e permitir caminhar junto”, enfatizou o padre. Em forma de reconhecimento, padre Martinho ofereceu ao pároco uma imagem da Sagrada Família.


     O novo vigário lembrou que os pais moram em Ipiranga, que ali foi confirmado na fé, ao receber o sacramento da Crisma, e também na cidade foi ordenado padre em 14 de agosto de 2010. “Agora, venho para auxiliar. Agradeço de coração a acolhida”, destacou. Padre Martinho recebeu do Movimento em Serra, em nome da paróquia, diversos mimos.


     Nesta terça-feira (22), padre Martinho, como coordenador da Pastoral Presbiteral e representante da Diocese de Ponta Grossa, viaja ao Amazonas ao lado do padre Fábio Sejanoski. Eles passarão pela comunidade sede da Área Missionária Nossa Senhora Aparecida, no KM 70, no dia 23 e, no dia 24, seguem para Lábrea. No dia 25, os dois se encontram com o bispo da Prelazia, Dom Santiago Sànchez Sebastian, quando padre Fábio vai receber as orientações e falar sobre as expectativas quanto ao trabalho na Paróquia São João Batista, em Canutama. Padre Martinho participa ainda da missa de acolhida de padre Fábio, no domingo (27), às 19h30, na igreja-matriz da paróquia.  


Diocede Ponta Grossa
A celebração aconteceu na igreja-matriz da paróquia, ontem pela manhã   |   Juvanei Freitas

Diocede Ponta Grossa
Alguns dos mimos foram entregues pelos pais de padre Martinho   |   Juvanei Freitas

Diocede Ponta Grossa
O vigário geral da Diocese, padre Jaime: momento de congregação   |   Juvanei Freitas

Diocede Ponta Grossa
As crianças trouxeram e entregaram a padre Nelson a imagem da Sagrada Família   |   Juvanei Freitas

Diocede Ponta Grossa
Padre Martinho fez uma homenagem emocionante ao pároco   |   Juvanei Freitas


Navegue até a sua Paróquia