DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 28/02/2022

Campanha da Fraternidade será lançada na quarta

Tema discute responsabilidade na construção do ser humano

 
O tema deste ano vai abordar os diversos aspectos da formação do ser humano O tema deste ano vai abordar os diversos aspectos da formação do ser humano | Crédito: Divulgação

 O lançamento da Campanha da Fraternidade de 2022 acontecerá na Quarta-Feira de Cinzas (2), às 9 horas, na sede do Colégio Sagrada Família/sede Auxiliadora, na Vila Marina, em Ponta Grossa. Com o tema ‘Fraternidade e Educação’ e o lema ‘Fala com sabedoria, ensina com amor’ (Pr 31,26), a campanha deste ano pretende “promover uma reflexão sobre a responsabilidade de cada segmento na construção do ser humano de forma integral na família, na escola, na igreja e na sociedade”, como adianta a nova coordenadora diocesana da Campanha da Fraternidade, Márcia Simões. Márcia assume no lugar do casal Antônio e Íria Portela, que ficaram 11 anos à frente da coordenação.


     Devem acompanhar o lançamento, além dos integrantes da equipe diocesana e representantes da Caritas, a prefeita Elizabeth Schmidt; o presidente da Câmara, Daniel Milla; Luciana Aquiles Sleutjes, chefe do Núcleo Regional de Educação de Ponta Grossa; a secretária municipal de Educação, Simone Pereira Neves; o reitor e a chefe do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Ponta Grossa, Miguel Sanches Neto e Elenice Parise, e a presidente da Associação das Escolas Católicas, irmã Edites Bet. Os vários segmentos da Igreja - Pastoral de Animação Bíblico-Catequética, Pastoral Familiar, Pastoral da Juventude, Pastoral Vocacional – estarão igualmente representados. O bispo Dom Sergio Arthur Braschi ficou de confirmar presença mais perto da data do evento. Como está em tratamento de saúde, Dom Sergio precisa estar se sentindo bem para comparecer.


     “O tema escolhido para o ano de 2022 propõe voltar o olhar das pessoas para a importância da educação integral e formação do ser humano. Através desse tema será enfatizada a importância da educação integral, ou seja, olhar a pessoa como um todo, sem priorizar apenas à educação formal. O ato de educar envolve todos os aspectos da vida da pessoa, para que seja cada vez mais humano.  Com abordagens de temas relevantes para a sociedade e não apenas para os católicos para que todos possam viver, refletir e analisar durante o período quaresmal”, explica a coordenadora diocesana da Campanha da Fraternidade, Márcia Simões.


     Entretanto, lembra Márcia, a Campanha da Fraternidade não se restringe a Quaresma, mas se estende durante todo o ano; objetivando que as pessoas, cada uma em seu movimento, pastoral ou setor da sociedade, promovam uma reflexão sobre o tema proposto. “É preciso se atentar aos problemas inerentes à educação”, ressalta.  A Campanha da Fraternidade tem como gesto concreto a Coleta Nacional da Solidariedade, realizada no Domingo de Ramos nas comunidades de todo o Brasil. Os recursos são destinados aos Fundos Diocesanos e Nacional da Solidariedade, os quais apoiam projetos sociais relacionados à temática da campanha, informa a coordenadora.


Nova coordenadora


     Márcia Simões é professora, pedagoga, especialista em Educação Especial. Trabalha no Setor de Educação Especial do Núcleo Regional de Educação de Ponta Grossa. É catequista desde 1992 e integra a equipe de liturgia da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na Vila Liane, em Ponta Grossa. 


     A nova coordenadora participou da equipe diocesana da Campanha da Fraternidade de 2001 a 2009.


 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Jovem da Diocese de Ponta Grossa vai representar o Paraná em missão nacional   |   hightech   |   tesdtetetetete   |   Tibagi tem relíquias de nova santa católica   |  





Publicado em: 28/02/2022

Campanha da Fraternidade será lançada na quarta

Tema discute responsabilidade na construção do ser humano

 

 O lançamento da Campanha da Fraternidade de 2022 acontecerá na Quarta-Feira de Cinzas (2), às 9 horas, na sede do Colégio Sagrada Família/sede Auxiliadora, na Vila Marina, em Ponta Grossa. Com o tema ‘Fraternidade e Educação’ e o lema ‘Fala com sabedoria, ensina com amor’ (Pr 31,26), a campanha deste ano pretende “promover uma reflexão sobre a responsabilidade de cada segmento na construção do ser humano de forma integral na família, na escola, na igreja e na sociedade”, como adianta a nova coordenadora diocesana da Campanha da Fraternidade, Márcia Simões. Márcia assume no lugar do casal Antônio e Íria Portela, que ficaram 11 anos à frente da coordenação.


     Devem acompanhar o lançamento, além dos integrantes da equipe diocesana e representantes da Caritas, a prefeita Elizabeth Schmidt; o presidente da Câmara, Daniel Milla; Luciana Aquiles Sleutjes, chefe do Núcleo Regional de Educação de Ponta Grossa; a secretária municipal de Educação, Simone Pereira Neves; o reitor e a chefe do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Ponta Grossa, Miguel Sanches Neto e Elenice Parise, e a presidente da Associação das Escolas Católicas, irmã Edites Bet. Os vários segmentos da Igreja - Pastoral de Animação Bíblico-Catequética, Pastoral Familiar, Pastoral da Juventude, Pastoral Vocacional – estarão igualmente representados. O bispo Dom Sergio Arthur Braschi ficou de confirmar presença mais perto da data do evento. Como está em tratamento de saúde, Dom Sergio precisa estar se sentindo bem para comparecer.


     “O tema escolhido para o ano de 2022 propõe voltar o olhar das pessoas para a importância da educação integral e formação do ser humano. Através desse tema será enfatizada a importância da educação integral, ou seja, olhar a pessoa como um todo, sem priorizar apenas à educação formal. O ato de educar envolve todos os aspectos da vida da pessoa, para que seja cada vez mais humano.  Com abordagens de temas relevantes para a sociedade e não apenas para os católicos para que todos possam viver, refletir e analisar durante o período quaresmal”, explica a coordenadora diocesana da Campanha da Fraternidade, Márcia Simões.


     Entretanto, lembra Márcia, a Campanha da Fraternidade não se restringe a Quaresma, mas se estende durante todo o ano; objetivando que as pessoas, cada uma em seu movimento, pastoral ou setor da sociedade, promovam uma reflexão sobre o tema proposto. “É preciso se atentar aos problemas inerentes à educação”, ressalta.  A Campanha da Fraternidade tem como gesto concreto a Coleta Nacional da Solidariedade, realizada no Domingo de Ramos nas comunidades de todo o Brasil. Os recursos são destinados aos Fundos Diocesanos e Nacional da Solidariedade, os quais apoiam projetos sociais relacionados à temática da campanha, informa a coordenadora.


Nova coordenadora


     Márcia Simões é professora, pedagoga, especialista em Educação Especial. Trabalha no Setor de Educação Especial do Núcleo Regional de Educação de Ponta Grossa. É catequista desde 1992 e integra a equipe de liturgia da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na Vila Liane, em Ponta Grossa. 


     A nova coordenadora participou da equipe diocesana da Campanha da Fraternidade de 2001 a 2009.


 


Diocede Ponta Grossa
O tema deste ano vai abordar os diversos aspectos da formação do ser humano   |   Divulgação

Diocede Ponta Grossa
Márcia e Antônio Portela, na formação virtual transmitida a partir do novo estúdio montado no prédio da Cúria   |   Osmar Abel Rosa

Diocede Ponta Grossa
Formação teve a participação de convidados. Aqui, Alexandre Roessle, da Associação de Proteção dos Autistas   |   Osmar Abel Rosa

Diocede Ponta Grossa
Gilson Camilo da Silva, presidente da Caritas, falou sobre a coleta do Domingo de Ramos   |   Osmar Abel Rosa


Navegue até a sua Paróquia